Ep. da Semana SEASON FINALE #4 - True Blood 5X12

Menores de idade, por favor, GO AWAY


Primeiramente, desculpem por ter pulado o review do episódio 11. Fiquei com preguiça rs Segundamente: por que vocês odiaram tanto essa temporada? Não foi uma das melhores, é verdade, mas não foi das piores também. Essa coisa toda de autoridade, saindo do universo de Louisiana e abrangendo novos locais foi uma jogada boa. Pra mim, né.

Bom, pra começar, achei a morte do Russel muito WTF. Foi rápido demais, fácil demais. Por que ele morreu só um tempinho depois do ataque em conjunto? Não entendi nada. Enfim, podemos esperar um Steve muito puto pra próxima temporada e espero que ele seja um vilão tão doente quanto Russel. Os vilões sempre dão uma apimentada à trama. Os vilões e Lafayette, né? HAUSHAUSHUAH



Falando de Sookie e Jason: putz, ela foi muito imprestável nessa season. Nesse episódio então, putz, fez diferença nenhuma. Aliás, com essa história do poder de fada se esgotando, qual vai ser o plot dela pro próximo ano? E poxa, achei muita maldade do Jason jogar o amor de Sookie por vampiros na cara dela. Ele simplesmente esqueceu que é difícil gostar dos pensamentos alheios?! Aliás, ele voltou a ser o fdp maníaco daquela temporada do treinamento evangélico. Sério, não sei se tenho paciência pra isso. Jason sempre foi muito secundário na série e essa tentativa de dar destaque a ele foi muito fracassada, sorry.


Só que não.

O que vão fazer com Jessica sem Jason e Hoyt? Outra inútil.

Já Sam e Luna foram bem espertos. Gosto dos dois como um casal ou melhor, como uma família, pois Sam trata Emma muito bem. Mesmo assim, o núcleo deles também tá meio boring, mas nesse episódio conseguiram um destaque. Não só porque Luna revelou a espécie deles ao mundo, mas também porque contou à mídia sobre a atividade sanguinista. Pra próxima temporada, aposto numa perseguição humana contra os vampiros, embora Bill vá balancear essa equação. Porém falaremos dele só no final do post! Por enquanto, só espero que Luna fique bem =( Gosto da índole e personalidade dela, como protege a filha. Espero também que os dois consigam sair das terras da autoridade, porque nada disso foi mostrado. Aliás, NINGUÉM saiu de lá ainda e com o Bill todo fodão, será complicado.

A excursão de Tara, Eric, Nora, Sookie e Jason pra salvar Pam foi marromenos. A única coisa interessante foi o beijo lésbico. Apesar de ter ignorado Tara a temporada inteira, desde o décimo episódio comecei a perceber o interesse romântico dela pela criadora, mas nem comentei nada porque né, costumo viajar nessas coisas. Mas fiquei tipo a Jessica:

Juro que falei (em voz alta) "eu também!"

Vamos falar de Alcide?


Alcide...


Oh boy!


Né?

Desperdiçam muito Alcide. Podia ter um spin-off SÓ de Alcide.
Não tenho muito o que falar dele. Não achei legal esse negócio de V, mesmo sendo por uma boa causa. Já posso até prever: Alcide viciado em V na sexta temporada. Ninguém merece.

E gente, a cena do parto das filhas do xerfie valeu pelo episódio INTEIRO AHSUAHSUAHSUHAS Muito engraçado, mas sem importância. Por enquanto, né.

AI DEUS HAHAHAHAHA
Agora vamos falar dele.

Sim, ele mesmo.

Billith.

Quem diria, né? O vampiro mais bonzinho da história se tornou um DEMÔNIO.


Confiei na integridade dele ATÉ O ÚLTIMO SEGUNDO. Também considerei a possibilidade de todos os chancelers estarem loucos, pois Lilith estava aparecendo para todos eles. Por que ela fez isso? Pra testar e ver qual era o mais forte? Desnecessário.

Daí, quando finalmente me conformei com a traição do Bill, torci pra ele perder e Sookie e Eric viverem felizes para sempre. Então ele explodiu:


E eu fiquei tipo:


Mas aí aconteceu isso:

Creepy.
E eu:

Já passou da hora!
Espero que ele morra. Sério.

E vocês? Odiaram ou amaram a quinta season finale de True Blood? Até 2013!

Comentários

Postagens mais visitadas